quarta-feira, 22 de agosto de 2007

Do início...

Em Brejo, iniciei o Curso Primário, no Grupo Escolar... aos domingos íamos, eu e a minha irmã passar o dia com a minha avó, mãe do meu pai...nós a chamávamos Mãezinha e ela adorava. O meu pai, era aquele "turrão" que só aparecia na hora do almoço e a perguntar o que lá fazíamos, já que ele não vivia conosco, mas isto é outro detalhe sem importância...

Ao completar oito anos de idade, fomos todos viver na cidade de Chapadinha, também no Marnhão. Não me recordo de nada que possa me turvar a idéia. Lembro do Grupo Escolar Dr.Paulo Ramos, onde fiz todo o curso primário, onde uma Tia era a Diretora. Todos os dias cantávamos o Hino Nacional na formação para o início das aulas e o Hino do Maranhão ao final das aulas. Lembro das brincadeiras, de jogar "academia" com as colegas, de subir nas árvores, de me esconder em cima do Pé de Caju Banana que tinha no quintal da minha Tia. Lembro da minha avó Ada (com quem fui criada) a procurar por mim e eu a subir nas árvores para tirar goiaba, carambola, cajus... e me escondia dela... e assim sem muitos atrativos era o nosso dia a dia naquela cidade, antes muito pacata e boa de se morar... hoje é um caos.

O primeiro prédio do Grupo Paulo Ramos ficava na Praça Dr. Manoel Vieira, onde hoje funciona a TV Chapadinha do Grupo ... do Sarney... era um prédio amarelo esmaecido e feio, mas era lá onde ia todos os dias e encontrava as minhas colegas, pois naquele tempo não tínhamos muitos colegas do sexo masculino, só privávamos com as meninas... tinha uma colega filha da minha madrinha que brincávamos juntas, aliás éramos "unha e carne", ela usava óculos e eu achava muito engraçado... papagaio de quatro olhos... usada pelos meninos que eram muito danados e chatos... não me recordo de ter amizade com qualquer deles.

Naquela época fazíamos o Exame de Admissão para entrar no Curso Ginasial e eu, por idéia da minha Avó Ada, fui fazer em Brejo, já que em Chapadinha não tinha ainda o Curso Ginasial. Pela idéia da Tia que era Diretora do Grupo Escolar, eu deveria ficar um ano sem estudar e depois fazer o Exame lá... felizmente assim não aconteceu e a minha Avó Ada sempre dizia " a unica coisa que posso te deixar é o conhecimento, pois riqueza não temos" ... eu entendia muito bem o que ela me dizia e me ensinava... muitas vezes ela não era muito amável comigo, pois eu fazia tudo e mais alguma "trela" pela rua e quando chegava contava tudo, quando "os outros" vinham contar, ela já sabia... mas ela me deu muito carinho e acreditava em mim. Diferente da Tia que me queria como ajudante dela... as filhas não ficaram esperando que lá existisse o curso ginasial, foram estudar no Ceará... mas a sobrinha, que era filha de pais separados pode ficar sem estudar que não muda nada, ora muda muda...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...